Consumo de matéria seca e dos nutrientes de novilhas Nelore criadas em pastos de Brachiaria (Syn. Urochloa) brizantha cv. Marandu diferidos e adubados com nitrogênio

INTRODUÇÃO

O nitrogênio é um dos principais nutrientes para manutenção da produtividade das gramíneas forrageiras ao longo dos anos, pois é constituinte essencial das proteínas e participa diretamente no processo fotossintético, além disso, pode potencializar o acúmulo de forragem durante o período de diferimento, uma vez que o nitrogênio aumenta a taxa de crescimento da gramínea, favorecendo o consumo pelos animais. Objetivou-se com este trabalho avaliar o consumo de matéria seca e dos nutrientes de novilhas Nelore criadas em pastos de Brachiaria (Syn. Urochloa) brizantha cv. Marandu diferidos e adubados com nitrogênio.

MATÉRIAS E MÉTODOS

O experimento foi conduzido na fazenda Boa Vista, município de Macarani-Ba, a área experimental compreendia em 10 hectares, constituídos por Brachiaria (Syn. Urochloa) brizantha cv. Marandu, que foram divididos em 16 piquetes, com quatro tratamentos e quatro repetições, sendo: T1 = pasto diferido sem adubação nitrogenada; T2 = pasto diferido com 50 kg de N.ha-1; T3 = pasto diferido com 100 kg de N.ha-1; e T4 = pasto diferido com 150 kg de N.ha-1, sendo o período experimental de 230 dias, com 107 dias de diferimento. Foram utilizadas inicialmente 48 novilhas da raça Nelore, com média de 8 meses de idade e com peso corporal inicial de 178,69 ± 26,67 kg, sendo distribuídas 3 novilhas por piquete em todos os tratamentos. Os cálculos para estimativa das variáveis de consumo de matéria seca e demais nutrientes foram realizados a partir de equações obtidos dos resultados da estimativa do consumo voluntário de volumoso (FDNi). A análise de variância utilizando significância de 5%, testados os modelos de regressão das variáveis estudadas, observados os coeficientes de determinação e utilizando o SAEG.

RESULTADOS

Não foi observado efeito (P>0,05) das doses de nitrogênio sobre o consumo de matéria seca do pasto e o consumo de matéria seca total, sobre os consumos da fibra em detergente neutro corrigida para cinzas e proteína do pasto e da fibra em detergente neutro corrigida para cinzas e proteína total, do extrato etéreo, dos carboidratos não fibrosos, da matéria seca do pasto e da fibra em detergente neutro corrigida para cinzas e proteína do pasto, em % do peso corporal, com valores médios de 3,23; 3,60; 2,20; 2,30; 0,07; e 0,72 kg.dia-1; e de 1,97 e 1,41%, respectivamente.

Capturarjh
Verificou-se efeito linear crescente para os consumos de proteína bruta e dos nutrientes digestíveis totais em função das doses de nitrogênio.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CONCLUSÃO

Conclui-se que a adubação nitrogenada nos pastos diferidos proporciona o aumento do consumo de proteína bruta e dos nutrientes digestíveis totais, nas condições de realização desta pesquisa.

 

LITERATURA CITADA

MACÊDO, J.D.B. Períodos de diferimento para pastos de brachiaria decumbens. 2014. 91p. Tese (Doutorado em Zootecnia) – Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB, Itapetinga

POPPI, D.P.; HUGLES, T.P.; L`HUILLIER, P.J. Intake of pasture by grazing ruminants. In: NEW ZEALAND SOCIETY OF ANIMAL SCIENCE. Livestock feeding pasture. Hamilton: New Zealand Society ofAnimal Production, 1987. p.55-64

WERNER, J.C. Adubação de pastagens de Brachiaria spp. In: SIMPÓSIO SOBRE MANEJO DA PASTAGEM, 11., 1994, Piracicaba. Anais… Piracicaba: Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz, 1994. p.209-222

 

Sobre Ingridy Dutra

Ingridy Dutra
Graduando em Zootecnia - UESB Itapetinga, 19 anos. Bolsista de iniciação FAPESB. Católica Apostólica Romana, devota de Nossa Senhora Aparecida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by moviekillers.com